Cenário Automotivo Brasileiro para 2020.

#Indústria #CenárioAutomotivo #PeçasMicrofundidas #MicrofusãodePeçasMetálicas #2020

Considerando uma situação macroeconômica com inflação estável, taxa de juros com viés de queda e o patamar do dólar representando baixo risco para as venda, as vendas de automóveis leves fecharão 2019 em acensão, em torno dos 2,84 milhões de emplacamentos e crescerão para 2,99 milhões em 2020. As reformas geram clima interno favorável para vendas.

Apesar do cenário econômico externo adverso, como o momento vivido pela Argentina, as montadoras e as indústrias de autopeças estão confiantes de que a produção automotiva brasileira continuará crescendo em 2020. Tal ascensão poderia ser ainda mais positivo, se não fossem tais riscos. Parte da expectativa positiva do setor é devido a reforma da previdência. O fator gera otimismo, fortalece a economia, e consequentemente, beneficia a situação das autopeças e montadoras.

Menciona-se também que, a melhoria do ambiente de negócios e o incentivo à inovação estão na pauta do governo, como a retomada de investimentos em infra-estrutura, com as concessões privadas de aeroportos, rodovias e portos. Além claro, da Rota 2030, que prevê um ambiente de estabilidade com incentivos fiscais para metas e investimento em programas de pesquisa e desenvolvimento. As metas definidas para o Rota 2030, terão contribuição essencial para a competitividade do ramo no ambiente global. 

Deixe sue comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *