COVID-19 e os impactos nas montadoras Brasileiras.

#COVID-19 #Indústria #Montadoras

Montadoras de veículos se pronunciaram referente à situação do avanço do COVID-19, que até segunda feira,16, registrava mais de 230 casos confirmados no Brasil. Muitas fabricas, como General Motors, FCA Fiat Chrysler, Renault e Mercedes-Benz; já adotaram o sistema de Home Office para as áreas administrativas das quais é possível esse trabalho. A produção segue dentro da normalidade, porém, com algumas medidas de prevenção a fim de conter a pandemia e preservar a saúde dos funcionários e de seus familiares. 

Para as empresas que decidiram por continuar o trabalho nos escritórios, recomenda-se aos funcionários, que evitem reuniões em grupos e utilizem – e intensifiquem – os meios digitais para a comunicação, tais como video conferência, email, plataformas de mensagens instantâneas e ligações telefônicas. As montadoras também estão reforçando os serviços de higienização dos locais laborais, além de informar aos seus funcionários sobre as medidas de cunho particular, como evitar contato físico e manter distância mínima de um metro, além de higienizar as mão várias vezes ao dia e usar álcool em gel frequentemente. 

As viagens internacionais já foram suspendidas por muitas empresas, como a Toyota, que cancelou todas as viagens para a China, Taiwan, Coreia do Sul, Itália, Irã, França, Alemanha, Espanha, Japão e Estados Unidos. 

A Volvo informou a seus funcionários que antecipará a vacina interna contra a gripe, a fim de facilitar o diagnóstico em caso de outras viroses e doenças. 

As demais empresas de origem sul-coreana, confirmam que não há risco de falta de peças importadas neste momento.

As recomendações segundo a OMS são: lavar as mãos com sabonete e água e usar álcool em gel sempre que possível, cobrir o nariz e a boca sempre que espirrar ou tossir, evitar aglomerações (locais com mais de 50 pessoas), manter os ambientes bem ventilados, não compartilhar objetos de uso pessoais, se hidratar bebendo água e manter uma alimentação saudável. 

Deixe sue comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *