Os investimentos e a nova divisão interna da Volkswagen

#Volkswagen #Investimentos #Indústria #Automotores

O Grupo Volkswagen promete investir mais de €7 bilhões no desenvolvimento de softwares e tecnologias embarcadas em seus veículos nos próximos anos. Com a nova divisão interna do grupo, chamada Car.Software, a montadora quer elevar a participação ativa das tecnologias desenvolvidas, preservando seu domínio por elas. “Até 2025, queremos aumentar para 60% a parcela de softwares com desenvolvimento próprio. Atualmente essa proporção é inferior a 10%”, afirma o CEO da Car.Software, Christian Senger. 

O grupo visa manter esse controle de toda a arquitetura do veículo – sobretudo os eletrônicos – para preservar as informações que serão compartilhadas quando o desenvolvimento de seus produtos tiverem a participação de outras empresas. Para o CEO, essa seria o único jeito de garantir a competitividade em longo prazo. Também acredita que esse esforço vale a pena por causa do grande volume de vendas de todo o grupo (11 milhões de unidades em 2019). A produção em grande escala permitirá amortizar os custos de desenvolvimento. 

Christian também menciona que um dos grandes diferenciais da marca é saber lidar com toda a complexidade do automóvel, desde sua fabricação até o desenvolvimento dos softwares necessários. Um de seus objetivos, é criar um sistema operacional padronizado para as marcas do grupo. A nova eletrônica permitirá atualizações e serviços de software na nuvem para que os motoristas possam baixar novos produtos e atualizações digitais a qualquer momento. 

Deixe sue comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *