Investimentos e a nova linha de extrapesados da Volkswagen

#2020 #Volkswagen #Indústria #Automotores

A Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO) investe R$500 milhões em ampliações e modernização industrial em sua planta em Resende (RJ) para fabricação e estudos em extrapesados. Além disso, outros R$500 milhões foram destinados ao desenvolvimento de novos cavalos mecânicos, incluindo trabalhos de engenharia, nacionalização de componentes, montagem de protótipos e testes de rodagem em seis estados brasileiros e também no exterior.

O projeto da nova linha de extrapesados, Meteor, já consumiu metade da verba total (R$1 bilhão). A nova família auto da VWCO, representa o resultado de todos os estudos de desenvolvimento acerca da Indústria 4.0, realizada pela companhia até o momento. Pois, os caminhões contarão com tecnologias inéditas que promovem conectividade entre motorista e máquina.

Os veículos foram paramentados com equipamentos para monitorar e colher dados de 300 pontos do caminhão, desde um suporte de roteiro de chicote a um eixo inteiro, consolidando assim o maior programa de aquisição de dados da VWCO.

O Brasil é o primeiro país no mundo a fabricar caminhões de grande porte da marca. Para isso, precisou-se fazer alguns ajustes em sua fábrica em Resende, para conseguir desempenhar todas as aplicações da “quarta revolução industrial” também conhecida como “Indústria 4.0”. A manufatura passou a ser digital e integrada, fazendo com que todos os processos sejam altamente automatizados e interconectados em rede de dados, visando o monitoramento dos processos.

A companhia se orgulha em apresentar os novos caminhões com alto índice de nacionalização, integrando diversos fornecedores brasileiros em seu projeto.

Deixe sue comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *